Uma nova era do RPG começa!
 
FAQInícioPortalBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-seCalendário

Compartilhe | 
 

 [Ficha de Personagem] Klaus K. Sortins

Ir em baixo 
AutorMensagem
Klaus K. Sortins
Konpaku
Konpaku
avatar

Alerta :
0 / 1000 / 100

Mensagens : 1
Idade : 20

Dados do Personagem
HP HP:
100/100  (100/100)
Reiatsu Reiatsu:
100/100  (100/100)
Stamina Stamina:
100/100  (100/100)

MensagemAssunto: [Ficha de Personagem] Klaus K. Sortins   Ter Abr 12, 2016 7:32 pm

Citação :
Nome: Klaus K. Sortins
Idade: 36 anos pré-morte.
Sexo: Masculino
Peso: 378 kg
Altura: 4,13m
Raça: Arrankar
Classe Atual: Hollow
Classe Máxima Possuída: Hollow
Aparência Física: Sua aparência Hollow assemelha-se à de um dragão humanoide com chifres, porém ao invés de apresentar escamas, possui uma longa pelugem branca com alguns traços em vermelho na extensão de seu corpo. Algumas áreas, como sua face, peitoral, abdômen e coxas, tal como patas, não estão cobertas por tal pelugem. As patas dianteiras apresentam três garras alaranjadas e afiadas, enquanto as traseiras apresentam 4 garras de mesma proporção e tonalidade. Sua cauda têm uma extensão de 1 metro, já as asas presentes em suas costas apresentam o dobro de seu tamanho, tendo 2 metros cada. A máscara que cobre sua face possui listras que se assemelham à arranhões vermelhos marcados em toda sua extensão.
Spoiler:
 
Descrição Psicológica: Klaus comumente não esboça resquícios de sua vida passada, tendo cedido aos instintos do seu vazio, buscando incansavelmente almas para suprir seu desejo de devora-las. Tornou-se em um predador cruel e metódico elaborando formas de cercar sua presa, matando sem qualquer distinção. Seu único requisito é: Parecer-lhe apetitoso. O único traço que ainda foi-se mantido de seu outrem é a ganância por poder. Outrora um empresário pouco sucedido ascendendo ao topo, agora um Hollow com ânsia em se tornar o mais poderoso. Após devorar a primeira alma, Klaus despertou um vício incessável de devora-las.
Conhecimentos:

História:
Klaus é filho de 2 artesões sem quaisquer renome no mercado. Tais conseguiam, juntos, o necessário somente para as refeições diárias e as despesas mensais da moradia, não podendo dar nenhuma regalia ao garoto. Por conta de sua condição financeira, Klaus apresentou resquícios de inveja desde pequeno, pelo fato de não ter nenhum brinquedo ou mais de um par de sapatos, enquanto seus amigos sempre lhe apresentavam novos brinquedos e calçavam, ao menos, 3 sapatos diferentes por mês. A inveja florescida no garoto tornou-o rebelde para com seus pais, culpando-os por não ter o mesmo que seus colegas. Certo dia, ao visitar um de seus amigos em sua residência, Klaus aproveitou um momento em que seu colega se distanciou e roubou algumas figuras de ação. Este caso veio à tona antes que Klaus retornasse à casa. Os pais do garoto foram chamados, e então levaram o jovem para casa esboçando profunda tristeza.
Aquele incidente tornou Klaus cada vez mais distante de sua família, até mesmo mais rebelde que outrem. Seus pais, que desde antes de seu nascimento não tinham condições de vida sustentáveis para comprar coisas além da necessidade básica, adoeceram por conta de seu exaustivo esforço braçal, vítimas da exploração do país no mercado de trabalho. Ambos necessitavam de medicamentos caros que estavam fora de cogitação de sua renda e Klaus, ainda ressentido pela sua condição, não demonstrou afeto naquela situação. Seus pais, por fim, acabaram por falecer meses após do incidente pela falta de medicação, e o jovem foi levado para morar com seu tio distante, cujo recebeu sua tutela.
A vida na casa de seu tio era uma realidade não vivenciada pelo rapaz. Seu tio era um homem maduro, em seus 52 anos, que atuava no ramo empresarial. Suas conquistas no mercado o tornaram em alguém bem sucedido financeiramente, mas já não mantinha contato algum com seus familiares, o que o levou a não estar à par da situação de sua irmã e seu cunhado. Sentindo-se culpado por não deixa-los com amparo algum, decidiu cuidar do único filho do casal, e assim o fez. Klaus sentiu-se maravilhado com toda a riqueza nunca antes vista, chegando até, em um dos momentos, ter agradecido aos céus pela morte de seus pais.
No primeiro dia de aula em seu novo colégio, Klaus tentou familiarizar-se com seus colegas, porém, logo de imediato, tornou-se vítima de bullying por conta de sua classe social. Aqueles cujo já haviam nascido em berço de ouro o repudiavam, tratando-o como um lixo. O constante maltrato vivido nesta fase de Klaus o tornou ainda mais frio, fazendo com que o garoto crescesse sem qualquer amizade. Em sua mente, havia apenas espaço para uma única coisa: Ganância por poder. Seu desejo de ser superior aos demais, e humilhar àqueles cujo são "inferiores", tal como ocorreu com este, se tornou o principal foco em sua vida.
Ao término de seus estudos Klaus seguiu a mesma carreira que seu tio e se tornou num empresário, porém, sua carreira profissional foi uma verdadeira montanha russa com grandes altos e baixos. Com falta de estabilidade de sucesso, ele perdia grandes oportunidades de negócios e, aos poucos, passou a gastar mais do que conseguia ganhar. Com 30 anos completos, recebeu de seu tio ações das empresas deste, o que o estabilizou novamente financeiramente. Seu nome, aos poucos, passou a aparecer nas mídias, o que foi um prato cheio para a criminalidade bater à sua porta com propostas "indispensáveis" em troca de alguns favores econômicos. Klaus, coagido a este meio, decidiu aceitar se envolver com o mundo do crime. Após uma longa investigação policial, o rapaz foi tido como culpado e foi preso. Seu tio, vendo o que ele se tornou após todos os anos de convivência, o expulsou de casa e comprou suas ações. Em profunda depressão, Klaus torrou todo o seu dinheiro em drogas, prostituição e bebidas alcóolicas até atingir o fundo do poço. Sua história chegou a todos os jornais e noticiários, com o título de "empresário do crime"; sua reputação era péssima até mesmo nas áreas de tráfico por conta das antigas dívidas com o chefe. Em um ato de suicídio, injetou uma grande quantidade de substância no próprio corpo, morrendo de overdose após o ato. Eventualmente, tornou-se um Hollow.

Citação :

Construção do Personagem

Perícias:
 

Desvantagens:
 

Pontos de Atributos

Citação :
Força: 2
Resistência: 1
Velocidade: 1
Inteligência: 1
Reiatsu: 1


Pontos de Status

Citação :
200 HP, 180 Reiatsu e 180 Stamina.

Links de Comprovação de Aumento de Status:


Citação :

Descrições

Técnicas:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sediento
Adjucha
Adjucha
avatar

Alerta :
0 / 1000 / 100

Mensagens : 615

Dados do Personagem
HP HP:
600/600  (600/600)
Reiatsu Reiatsu:
900/900  (900/900)
Stamina Stamina:
1200/1200  (1200/1200)

MensagemAssunto: Re: [Ficha de Personagem] Klaus K. Sortins   Ter Abr 12, 2016 7:43 pm

App.




"Apenas os Fracos Temem o Medo.
Os Fortes o Governam."

---

|| Ficha || Banco ||
Tabela:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
[Ficha de Personagem] Klaus K. Sortins
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» [Ficha de Personagem] Hyuuga Nazak
» [Modelo] Ficha de Personagem
» Ficha de Personagem - Ethel Voz - Leviatã
» Regras para a Criação de sua Ficha de Personagem
» Ficha de Personagem - Sarah Bloodstone - Balística

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Bleach Memories :: Principal :: Área On :: Ficha de Personagem :: Fichas Aprovadas-
Ir para: